Quem vive na periferia de São Paulo sabe como ninguém que a cultura sempre foi muito além do entretenimento. Não por acaso,Jilmar Tatto tem tratado o setor como, em suas próprias palavras, ‘o carro-chefe” da recuperação econômica do pós-pandemia.

“A cultura presente nas periferias da nossa cidade precisa ser valorizada. SP ainda é muito presa à cultura europeia. Temos que dar visibilidade para o que é nosso. A cultura gera emprego, abre janelas de oportunidades para a juventude e ainda aumenta a sensação de segurança por onde ela se propaga”, reiterou o pré-candidato do PT a prefeito da maior cidade do país durante live na noite desta quinta (20) com a Bancada do Hip Hop, formada por lideranças jovens do partido que pleiteiam uma vaga na Câmara de Vereadores.

Morador do bairro Ermelino Matarazzo, músico, produtor de eventos e profissional também da área de educação física, Abrantes MC faz coro ao que pensa Tatto e complementa:”A gente fala muito sobre o jovem da periferia, mas precisa ouvir também o que ele tem a dizer. Política não é coisa de velho, não. Política é diálogo e temos que trazer essas pessoas para o nosso debate. Não dá para pensar em fomento à cultura da periferia sem incluir ne representantes da própria periferia

Já para o rapper Bêner, que é professor de capoeira e articulador cultural nos bairros Cidade Tiradentes e São Mateus, “a gente não tem que impedir que os jovens ocupem as ruas, temos que tirá-los dos perigos que a vida apresenta. Temos que cuidar de quem vive na periferia e para isso é preciso também atrair esses jovens para atuarem dentro dos espaços de poder”.

Também rapper, jornalista produtor cultural e intermediador do encontro com Tatto, Pirata aposta no pré-candidato petista e na ligação histórica do partido com o setor para que essa proposta de incluir o jovem da periferia como protagonista no debate sobre a cultura de SP. “Nós acreditamos que o PT é o partido que está mais próximo do que almejamos. As lideranças petistas sempre foram muito importante para a gente. Por isso que nós, da Bancada do Hip Hop, apostamos muito na pré-candidatura do Jilmar Tatto. As propostas para a cultura estão claras”.

Tatto tem reafirmado sua preocupação em usar a cultura de SP como impulsora da retomada econômica e por isso pretende, caso eleito, dobrar o orçamento da pasta. “Nós não vamos gastar com cultura. Nós vamos investir em cultura. E isso gera uma rede de empregos que atinge diversas outras áreas”.

Assista ao encontro na íntegra: 

Da Redação

CAMPANHA PREFEITO: JILMAR TATTO E VICE: ZARATTINI - PT
CNPJ: 38.639.000/0001-09

FacebookTwitterEmailFacebook Messenger