Jilmar Tatto sabe do tamanho do desafio que terá pela frente caso seja eleito prefeito de São Paulo. Como pré-candidato do PT ao cargo, ele tem reiterado que, para recolocar a capital como destaque no cenário nacional, será preciso “reinventar a cidade”.

Para colocar em prática esse desejo, como deixou claro durante bate-papo com a socióloga Pagu Rodrigues nesta quinta (2), Tatto irá priorizar as áreas de mobilidade urbana, proteção social, cultura e meio ambiente. “A cidade está ficando e vai ficar ainda mais desigual. Na formalidade, já há mais gente desempregada do que empregada.Vamos ter que ter uma política de inclusão muito forte e arrojada. Há muito o que fazer”, explica.

Como tem dito desde que foi escolhido para representar o PT no pleito, Tatto voltou a defender também a universalização do transporte público: “Nós deveríamos ter no Brasil o Sistema Único da Mobilidade. Quem paga passagem geralmente dispõe de 20% do seu salário para isso. Eu defendo a criação do transporte universal de transporte. Começa aos domingos, depois de madrugada, aos feriados, no entrepico. Fontes para isso acontecer não faltam”.

A reinvenção a que se refere passa ainda pela área da cultura. “Para governar São Paulo temos que ser criativos, modernos e termos uma outra visão sobre a cidade, a exemplo do que fizemos durante as nossas gestões como o bilhete único, a recriação do carnaval de rua, entre muitas outras ações. Aliás, incentivar a produção cultural fará com que as pessoas saiam de casa e ocupem os espaços públicos. Essa é a cidade que eu sonho e essa é a cidade que vamos construir”, aponta.

Da Redação

CAMPANHA PREFEITO: JILMAR TATTO E VICE: ZARATTINI - PT
CNPJ: 38.639.000/0001-09

FacebookTwitterEmailFacebook Messenger